22/08/2019

Caixa deposita lucro do FGTS para trabalhadores!


Com a divisão dos lucros, grana do fundo terá rendimento total de 6,18% em 2018.

A Caixa Econômica Federal distribuiu aos trabalhadores o lucro do FGTS de 2018. A grana foi paga no início deste mês a quem tinha saldo positivo no fundo no dia 31 de dezembro do ano passado.

Com a divisão dos lucros, a grana parada no FGTS teve rendimento total de 6,18% no ano passado, de acordo com informações da Caixa.

O percentual de 6,18% correspondente à correção monetária anual do fundo, que é de 3% ao ano mais TR (Taxa Referencial), paga mês a mês, mais lucro do ao passado, que foi dividido integralmente com trabalhadores com conta vinculada.

O balanço publicado pela Caixa no "Diário Oficial da União" de terça-feira (20) mostra que o lucro do ano passado foi de R$ 12,2 bilhões. Com isso, o percentual de divisão dos lucros será de 3,088%. Quem tinha R$ 1.000 no fundo em 31 de dezembro de 2018 recebe R$ 30,88 neste mês.

Essa variação supera a inflação medida pelo IPCA, que está em 3,22% no acumulado em 12 meses até julho, e a caderneta de poupança (4,55% nos depósitos a partir de 04/05/2012).

Para saber o valor pago, o trabalhador pode conferir seu extrato do FGTS. A consulta é feita em www.caixa.gov.br/beneficios-trabalhador/fgts. Os valores serão informados na linha em que se lê "cred dist resultado ano base 12/2018".

Também é possível fazer a conferência dos valores por meio do aplicativo do FGTS e nas agências da Caixa Econômica Federal. 

Medida Provisória:

A divisão do lucro do FGTS foi determinada pela medida provisória 889. Em 2017 e 2018, o trabalhador recebeu apenas 50% do lucro.

A MP também autoriza a retirada de valores de até R$ 500 por conta do fundo, em uma nova modalidade chamada de saque imediato. 

Divisão dos Lucros - entenda:

- A Caixa Econômica Federal distribuiu, até o final desde mês, o lucro da grana parada no FGTS em 2018;
- Para cada R$ 1.000 que o trabalhador tinha na conta em 31 de dezembro de 2018 foram depositados R$ 30,88 referentes ao lucro.

Rendimento total:

- Com a divisão dos lucros e o rendimento mensal do FGTS, a grana do trabalhador terá rendido, no total, 6,18% em 2018;
- O rendimento mensal, porém, já foi pago mês a mês, no ano passado, conforme determina a legislação;
- Com isso, agora, o trabalhador receberá apenas o dinheiro referente ao lucro do fundo em 2018.

Entenda:

Correção monetária:

- A lei nº 8.036, de 11 de maio de 1990, estabelece que os depósitos do FGTS de cada trabalhador devem ser corrigidos monetariamente todo dia 10 de cada mês;
- Por ano, o rendimento anual do fundo é de 3% mais TR (Taxa Referencial), que está zerada.

foram depositados R$ 30,88 referentes ao lucro.

Divisão dos lucros:

- A medida provisória 889, de 2019, determinou que seja distribuído, uma vez por ano, 100% do lucro do FGTS do ano anterior;
- Na prática, isso está garantindo um rendimento maior para a conta vinculada do FGTS;
- Em 2017 e 2018, foi distribuído 50% do lucro do fundo.

Saiba como consultar os valores:

1. Acesse o site http://www.caixa.gov.br/beneficios-trabalhador/fgts
2. No centro da tela, clique em "Acompanhe seu extrato"
3. Na opção "Site da Caixa", clique em "Acessar"
4. Informe o CPF e a senha, e clique em "Não ou um robô" e em "Acessar";
5. Depois, em "FGTS", vá em "Extrato", acima, à esquerda
6. Os valores estarão na linha em que se lê "CRED DIST RESULTADO ANO BASE 12/2018", a última do extrato.

Veja quanto rendeu sua grana em 2018:

Fontes: Caixa Econômica Federal, "Diário Oficial da União", Luiz Felipe Pereira Veríssimo, do Ieprev e Agora.  


Compartilhe: